Navara,David (2735) – Inarkiev,Ernesto (2686) [E48]
EU-ch 17th Gjakova, Kosovo (8), 2016
[Mauro de Souza]


O enxadrista Ernesto Inarkiev pertence àquele grupo de jogadores top “excluídos”, os quais, apesar de terem resultados expressivos, raramente são convidados a tomar parte em torneio badalados.
Duas curiosidades sobre esse forte jogador: ele é natural de Elista, na Kalmíquia, terra do atual presidente da FIDE, Kirsan Ilyumjinov, sendo o primeiro enxadrista de sua terra a ter destaque internacional; e seu nome – Ernesto – é uma homenagem ao revolucionário argentino-cubano Ernesto Che Guevara, que, segundo dizem, era ele mesmo um forte jogador de xadrez.
Em 2016, Inarkiev teve uma série de bons resultados, sendo o mais surpreendente deles a conquista do Campeonato Europeu, torneio ao qual pertence a partida a seguir.

——————–

1.d4 Nf6 2.c4 e6 3.Nc3 Bb4 4.e3 a famosa variante Rubinstein da defesa Nimzoindiana. 4…0-0 5.Bd3 d5 6.cxd5 exd5 7.Nge2 Re8 [também era possível 7…c6; ou 7…c5] 8.0-0 Bf8 9.Bd2 b6 10.Nf4 [aqui, uma importante referência seria 10.Rc1 c5 11.Nf4 Ba6 12.Qf3 Bxd3 13.Nxd3 Nc6 14.dxc5 bxc5 15.Rfd1 c4 16.Nf4 Ne5 17.Qh3 Rb8 18.Rc2 Nd3 0-1 Nakamura-Gelfand / Monte Carlo 2011.] 10…Bb7 [10…c5 11.Qf3 Bb7 12.dxc5 bxc5 13.Rfd1 Nbd7 14.Qh3 g6 15.Bb5 Re5 0-1 Benjamin-Kacheishvili / ICC Int 2011.] 11.Qf3 a6!? aqui se esgotam as referências da minha base.

12.Rad1 Ra7!? uma manobra original que parece não ter uma refutação imediata. 13.Bc2 c5 14.dxc5 bxc5 15.Qh3 apesar de tudo, as Brancas ainda conservam uma pequena vantagem. 15…g6! uma boa medida profilática contra ataques em h7. 16.Nce2 Bc6 17.Bc3 Nbd7 18.Bb3 Qa8 19.g4? otimista demais e, portanto, precipitado. [correto seria 19.Rd2! com a ideia de dobrar as torres e pressionar d5, mantendo alguma vantagem (0.39 no meu engine).] 19…Ne5!

navara-x-inarkiev-gjakova-2016-19

centralizando o cavalo e preparando uma refutação bastante efetiva do ataque das Brancas. 20.g5? é psicologicamente duro para todo jogador de xadrez reconhecer que cometeu um engano e dar um passo atrás, remendando o erro. As Brancas seguem rumo ao abismo. [20.Bxe5 Rxe5 resistiria mais, apesar da vantagem ter passado para as Negras.] 20…d4! abrindo a diagonal de forma decisiva. 21.f3 um lance necessário, mesmo que debilitando a proteção do rei. [21.exd4 Nf3+ 22.Kg2 Nxg5+ ganha a dama.; 21.gxf6 Nf3+ 22.Kg2 Ng5+ é tão ruim quanto.]

21…dxc3 22.gxf6 c4! a vantagem das Negras aqui já é definitiva. 23.Bc2 Nxf3+ 24.Kf2 cxb2 [mais eficaz ainda seria 24…Rxe3! 25.Kxe3 Bc5+ 26.Nd4 Nxd4 27.Rxd4 Qe8+ 28.Kf2 Bxd4+ 29.Kg3 Qe3+ 30.Kg4 Bd7+ 31.Kg5 Bxh3] 25.Qg3 Qb8! evitando qualquer sacrifício em g6. 26.Nc3 Ne5 27.h4 Rd7 28.h5 Qd8 29.hxg6 fxg6 30.Rxd7 Qxd7 31.Kg1 Kf7 32.Ne4 Bh6 33.Qh4 Bxe4 34.Bxe4 [34.Qxh6 Qg4+ 35.Kh2 Qg2+ 36.Nxg2 Ng4+ 37.Kg1 Nxh6-+] 34…Qg4+ 35.Qxg4 Nxg4 36.Bd5+ Kxf6 37.Nxg6+ Kg5!? 0-1

[37…Kxg6? 38.Bf7+; 37…Kg5!? 38.Bxc4 (38.Nf8 Rxf8! 39.Rxf8 b1Q+) 38…Nxe3-+]

Anúncios